aboquecas

OOEE GALERE!

Primeiramente gostaria parabenizar o inventor da abobrinha, este legume tão querido que eu transformei na base da minha pirâmide alimentar nos últimos dias, dada a deliciosidade deste objeto comprido e grosso.

Abobrinha

OBJETO!

Segundamente gostaria de compartilhar aqui com vocês, meus três queridos leitores, uma receitinha nova que euzinho mesmo inventei ontem, e ainda não decidi exatamente o nome: as aboquecas (nome provisório, patent pending):

Você vai precisar de:

– uma abobrinha média (definição abobrinha média pesquisar)

– um ovo

– uma unidade aleatória* de trigo

– uma unidade aleatória* de leite

– uma pitada de sal

– um adulto responsável (Chuck tá fora agora);

Tesoura sem ponta

– E uma tesoura sem ponta

*Unidade aleatória significa que você vai colocar leite e trigo pra deixar a massa na consistência de massa de panqueca, mas que eu não sei quanto é, porque há anos eu faço panqueca sem medir nada, tudo no olhômetro.

Ingredientes definidos, vamos às instruções do que fazer com eles:

1 – Fatie a abobrinha em fatias de tipo 2 a 4mm (se errar a medida, azar o seu). Se possível faça fatias em múltiplos de sete;

2 – Misture o ovo, o trigo, o leite e a pitada de sal até parecer massa de panqueca. Vai ser pouca massa, não precisa muito. Fica meio líquido mesmo, tá tudo certo até aí. Se quiser usar o liquidificador, use, mas não precisa, seja forte e bata a massa à mão;

3 – Pegue SETE fatias de abobrinha, passe na massa e coloque, uma a uma, numa frigideira untada (ou não untada, não muda muito – igual panqueca), fazendo com que vire uma flower. ASSIM Ó:

Flower de abobrinha

flower de abobrinha

Entenderam porque sete? Tá ruim de ver na fots, mas tem uma fatia de abobrinha no centro.

4 – Frite/doure/blablabla dos dois lados e TÃ-DÃ!

Flower de abobrinha pronta

flower de abobrinha prontinha 🙂

Pra quem, como eu, ama este OBJETO grosso e comprido que é a abobrinha, é um jeito de fazer panquecas mais lights e mais gostosas.

Pra quem não ama, bem, não sei pq tá lendo até o final.

DICA: Não tente virar a primeira vez como se vira panqueca, jogando! A massa fica mole em cima ainda antes de virar, então pegue uma espátula. Só vire jogando da segunda vez pra frente!

Agora, lindos, vamos votar no seu nome preferido para a receita?

Opções:

( ) Aboquecas

( ) Abobrecas

( ) Panquebrinhas

( ) Pabobrinhas

( ) ~Flowers de abobrinha

Favor preencher sua opção favorita e comentar aqui ou no feice ou no twitter.

ATENÇÃO! Respostas que incluam outras opções NÃO SERÃO CONSIDERADAS, visto que eu só aceito as minhas próprias ideias, tá? Eu que mando, esse é o meu ~chaume ❤

Aguardo seus votos, seus lindos, e boa noite lua boa noite stars!

PS: Façam aí e depois mandem fotos das desgraças que vocês tiverem feito, cada foto vale um ponto de relacionamento no Programa de Fidelidade Flowers (sigla: PFF)

Anúncios

primeira aventura culinária de 2014

OOOEE galere!

Antes da aventura culinária, eu gostaria de agradecer a todo mundo que passou por aqui nos últimos dias e comentou a história do Park Shopping Barigui, só pra vocês saberem, foi o post mais lido mais rapidamente da história do blogs:

Gráfico Blogs

🙂

Fiquei bem feliz, teve pedido de desculpas e merchandising da Prata Fina e tudo.

Anyway, seguindo em frente, ontem foi meu aniversário EEEEEEEEEEEE e eu farei um post sobre isso quinta-feira… aguardem! 🙂

Agora vamos ao que interessa: a aventura culinária: Pão de queijo na sanduicheira.

Esses dias surgiu no facebook um compartilhamento aleatório sobre como fazer… e pareceu interessante e bem simples, VEJÃO como deveria ser:

Pão de queijo de sanduicheira

no mundo ideal seria assim

Mas obviamente, qualquer comida/receita/etc que venha pro blog, tem algum PS imprevisto ou whatever. No post do facebook as instruções eram:

“Modo de Preparo: Bata no liquidificador 1 xícara de leite, 1 xícara de óleo de cozinha e 3 ovos, depois acrescente 2 xícaras de polvilho doce e a metade de um pacote de queijo ralado parmesão e sal a gosto. Bata até ficar homogêneo. Unte a sanduicheira com óleo com a ajuda de um papel toalha, depois despeje o conteúdo na sanduicheira, preenchendo o desenho do sanduíche. Coloque um pouco de queijo sobre a massa líquida e feche a sanduicheira. Deixe assando por aproximadamente 5 min. Quando corar está pronto! *A máquina de waffle também funciona para essa receita.”

Fizemos quase isso… só faltou o queijo sobre a massa líquida, por motivos de comemos metade do pacote de queijo antes, não sobrou pra essa parte RSRS

Mas o resultado não foi exatamente o esperado. VEJÃO como ficou:

Pão de queijo na sanduicheira revisited

o passo 4 foi de um batch diferente, ok? a foto do batch correto deu pau

Pois é, vamos analisar a receita agora…

Primeira parte suspeita: 1 xícara de leite, 1 xícara de óleo de soja e 3 ovos. Esses são os líquidos. Ou seja: quase metade dos líquidos é puro óleo. Piriri/azia/gastrite garantido(s).

Segunda parte suspeita: Unte a sanduicheira. PRA QUE minha gente, se já foi tanto óleo na receita, e a sanduicheira supostamente é anti-aderente?

Terceira parte suspeita: Despeje o conteúdo na sanduicheira, preenchendo o desenho do sanduíche. – Essa parte foi super dúbia. Tem que preencher apenas o triangulinho interno

Preenchimento dos triângulos na sanduicheira

assim

Porque se preencher o triangulo externo inteiro vai vazar pra fora, o troço incha, e vaza coisa pra fora:

A Coisa

é nojento

Bom, eu consertaria a receita colocando meia xícara de óleo a menos, mais queijo (um pacote de 50g inteiro por receita)

E tem outro detalhe que a receita não conta: essa receita dá tipo uns 20 triangulinhos de pão de queijo OU MAIS! Divida a receita em múltiplos de três (não dá pra usar um ovo e meio afinal) se não for comer muito.

E prepare seu troninho se for sensível, é uma overdose de gordura.

Veredicto: não farei novamente. Mas boa sorte, boa noite lua e boa noite stars pra quem fizer.