♫ ♪ aquele braço ♪ ♫

Vamos pedir uma licencinha no post de opinião para fazer um post de história, porque hoje tem coisa

Lembram do braço que eu quebrei?

Braço machucado

cortei a barriga fora da foto só porque vocês pediram

Bom, como vocês podem ver, eu estou com ele machucado. Mas o episódio que eu vou contar pra vocês hoje serve pra provar que o osso está coladinho, pois senão não teria sobrevivido intacto.

A história é a seguinte:

Estava eu ontem numa feishta. Sim, feishta na quarta-feira mesmo, sempre tem alguém que não trabalha e acha que uma festa numa quarta-feira é algo plausível.

Eu feliz que estava, tinha dois copos, um em cada mão, ambos cheios das saqueirinhas de morango, dado que morango é pouco calórico, e saquê é pouco… alcoólico(?)

Alguém que estava na festa não conhecia saqueirinha, provou, não gostou, e foi assim eu conquistei o segundo copo simultâneo. Whatever, o que importa é que saqueirinha de morango demora pra subir, e por ser delicious, e a feishta ser open bar, lá fomos nós perder o controle e a dignidade.

Detalhe importante: festa em apartamento. No quinto andar. Com gente bêbada. Com janela aberta. Com eu bêbado.

Pois é.

E aí num dos momentos de dancinha e etc, eu perto da janela, me encostei na parte fechada do vidro e aí WHOOOOOHOOOOOOO! a parte fechada na verdade estava aberta e lá fui eu voar janela afora.

Para minha felicidade, eu caí em cima do toldo da entrada do prédio, que amorteceu a queda, e eu consegui escorregar dali para o chão suavemente, arranhando o braço na parede do prédio enquanto escorregava.

Fachada

o toldo fatídico

E não, a vida não passa na frente dos nossos olhos quando a gente cai do quinto andar e acha que vai morrer. Porque é claro, é tudo BRINKS!

Não é essa a história, esse toldo é em NYC, como vocês podem ter visto pela placa NO STANDING ANYTIME SETINHAS

A história é a seguinte:

Eu estava dirigindo em direção a COOOOLOMBOOOOO por motivos escusos que não contarei, visto que né… é Colombo. E aí eis que numa das alças que entram na rodovia EIS QUE SURGE um carro baleado:

Perseguição

assim

Ai que susto!

No susto quase capotei, porque como ele veio pra cima de mim, foi difícil de desviar, mas eu consegui escapar. E eu até buzinei, eu que praticamente nunca buzino.

Quando ele passou por mim e eu vi o carro todo baleado, pensei “PUTZ! Vem mais gente por aí!” E não deu outra, logo depois dele estava entrando pela rampa outro carro, com um maluco meio transparente, de metralhadora na janela e cabelos de medusa. E o tiroteio rolando. Reação automática: fugir dali. Peguei a primeira saída da rodovia em direção a Curitiba.

Claro que eu não fui o único a ter essa ideia. Mais gente veio fugindo da perseguição alheia, e um caminhão imenso me fechou, e eu acabei raspando o carro todo do lado, contra a mureta, me batendo por dentro do carro também. Daí os machucados no braço.

Foda, escapar de dois carros vindo a toda de fora pra dentro na rodovia, e acabar sendo esmagado por um caminhão.

Era pra ser mesmo, visto que né…

Era mentira.

BRINKS!

Ok, também não foi isso que aconteceu.

A história é a seguinte:

Fui a um protesto.

Protesto na Praça do Japão em Curitiba

galera lotando a praça do japão e a av República Argentina

Encontrei o protesto enquanto…

BRINKS!

Ok, essa certamente não foi essa história. Essa aconteceu de verdade e tudo, mas foi ano passado.

A história é a seguinte:

Eu entrei numa briga.

Com um macaco.

Porque ele me assaltou.

BRINKS!

Ok, parei.

O que aconteceu de verdade foi… eu estava saindo do trabalho ontem, e no meio do estacionamento, tropecei numa lajota mal encaixada e PAFT! Menine voador aterrisa no chão de lajotas do estacionamento e rala o braço.

E o joelho.

E ninguém viu 🙂

E hoje só duas pessoas repararam nos machudados, mas eu bem besta vim contar, porque como o post é de opinião, eu queria saber a opinião de vocês a respeito de outra coisa…

Eu sou um bom contador de histórias né?

Forrest Gump

– siiiiiiiiiim

Então torçam por mim, porque a editora prometeu que a partir de março vai ter um parecer se publica ou não o meu livro!

Quanta ansiedade!

E ah, falta UM MÍSERO LIKE na fanpage pro blogs chegar em 100. Quem será que vai ser o centésimo liker que ganhará uma IOGURTEIRA TOP THERM?

BRINKS!

Boa noite lua, boa noite stars, menines!

Correção – acabei de ver que já deu 100 likes. Perderam uma TOP THERM hein…

Anúncios

tratado definitivo sobre o congestionamento e a infância

Demorou pra eu falar sobre congestionamento né? Vamos lá então, que é o assunto de hoje 🙂

Vamos pensar no seguinte: desde maio de 2013, quantos feriadões nós tivemos? Sei lá… um? Dois? Resposta: UM – esse final de semana agora, 15 de novembro. E claro que Curitiba INTEIRA resolveu ir pra praia, até pessoal de COLOMBO deve ter ido, boatos de que pessoal de lá já tem carro, sonzera e isopor…

Eu saí de Curitiba com a Chuck na quinta-feira às 23h30, porque supostamente o grande movimento seria às 18h e depois só na sexta-feira de manhã.

BÉÉÉÉÉ WROOOOONG

Filas BR 376

isso às 16h49

Se a fila estava na saída de São José às 16h49, seria humanamente impossível ter acabado até 23h30, certo? Pois é… pegamos fila na BR376, próximo ao primeiro pedágio. Dali pra frente, foi anda e para total, chegamos no segundo pedágio próximo às 3h da manhã, tudo por causa de uma obra LINDA que ainda está sendo executada em uma ponte no Km 6 (nem sei o Km, chutei) da BR 101, cujo prazo era novembro.

Ok, está “em dia”, mas eu DUVIDO que terminem até o fim de novembro, eles vão ter (pausa… 30 dias tem setembro, abril, junho e novembro… ok, são 12) 12 dias apenas pra reconstruir duas faixas de ponte, uma em cada sentido. As duas pontes estão em pista simples, e a segunda pista está só no ferro ainda… #VamosAcompanhar

Pois é… some uma pista simples a um feriadão e o resultado são 30Km de filas.

E falando em obras…

Obras em Curitiba

saída de Curitiba

Como eu sou uma pessoa muito didática eu fiz desenhinhos no google maps pra ficar mais fácil entender porque está uma merda ir até o aeroporto, ou pegar a BR376… Todos esses trechos ali estão em obras AO MESMO TEMPO, porque lógico que não dá pra executar uma obra dessas de cada vez. Aí a bonita aqui quer ir visitar a família em Joinville e não consegue sair da cidade (nem voltar) por motivos de tudo congestionado.

Na verdade, as obras são coisas boas, eu não posso criticar as obras em si, só a demora, superfaturamento e simultaneidade (ai como tô cheio das palavras hoje rssss), mas até aí estamos no Brasil né, que mais se poderia esperar? O que eu acho ruim é: TODO MUNDO tem carro agora, ATÉ EM COLOMBO! Carro está absurdamente barato, volta e meia tem IPI zero, e desde os anos 90, um carro ficou muito mais barato proporcionalmente ao salário mínimo… se duvidar, você passa na frente de uma concessionária com a sua carteira de motorista, e sai de lá de carro (e financiamento) novo sem abrir a boca pra falar. E infelizmente é isso que todo mundo quer, a montadora quer vender, e o brasileiro pobre médio SONHA em ter um carro zero.

PRA QUE minha gente? Por que não deixam só os ricos (euzinho rsss) terem carro?

Enfim.

E a volta do feriado como foi? Bem, eu saí de sábado pra domingo de Joinville, à 1h40 da manhã… então não tinha fila, né, e a estrada estava vazia, porque eu voltei um dia antes. Mas quem não pensou nisso, pegou os mesmos 30Km:

Volta pela BR 101

isso às 17h34

Pois é.

Reparem como a polícia rodoviária dos dois estados é meio analfabeta hahahaha (ok, pra ter mais exemplos, tem que seguir os dois perfis no twinto)

Mas enfim, lindos, já sabem que agora vai demorar séculos pra eu voltar pra Joinville né? Vou ter que arrumar um/a cabeleireiro/a aqui em Curitiba.

Falando em Joinville… Chuck e eu demos uma passada na rua onde ocorreu a infância: a rua Matinhos, em Joinville.

Rua Matinhos

lógico que é no street view essa fots, passamos lá de noite

Sério, essa rua não mudou NADA, nos últimos 25 anos. NADA.

Ok, mudou… um muro ali foi reformado, e a casa onde morávamos e a da vizinha foram demolidas e construíram duas casas bem bonitas no lugar. Mas foi só. O resto tá tudo igual, tudo parado no tempo. É engraçado ver como algumas coisas nunca mudam.

E aí bateu aqueeela saudade da infância.

Mentira, não bateu. Eu não tenho muita saudade da infância, primeiro porque nós éramos pobrinhos, mas pobrinhos de marré marré marré… ok, nem tanto, só um marré tá bom. Anyway, a vida era difícil, e a gente não se divertia tanto quanto hoje, como família. Não que a gente se divirta agora porque tem dinheiro, acho que é mais porque cada um já está estabelecido, e não temos aquele medinho do futuro, de que de repente vai mudar o governo e nós vamos tomar no cu e ter que morar embaixo da ponte.

E sinceramente, acho que é assim que todo mundo devia ser… o time of your life deveria ser hoje pra todo mundo, e não uma época mil anos atrás, que nunca vai voltar. Acho que se o time of your life não for o hoje, alguma coisa há de errado com a sua vida, tá faltando fazer alguma coisa.

Tem que ver isso, produção.

E ATENÇÃO!

Quinta-feira aguardem uma nova “coluna” aqui no blogs, vamos ter o POST DE SEGUNDA e outra coisa tb, até quinta!

Bom dia sol, bom dia flowers!

se vc está cagado, não reclame

poderia ser pior… olha, eu não duvido de lady murphy não ok? por isso nem vou dar ideia pra ~vida~ do que mais fazer pra me zoar, pq ela faz, hein?

whatever, BOBO EU achando que ter o braço inchado e etc era o máximo que me aconteceria desde o protesto até hoje né… MUITO ingênuo… vamos rir então pq né

já que eu estava com o braço ~em recuperação~ decidi não dar carona pra ninguém, porque VAI QUE, se algo acontece, eu sou responsável, então estaria de bom tamanho eu me estrebuchar. Por isso, NÓS fomos de ônibus fazer o passaporte (lembrem-se que vou pra buenos aires cazamigue rss)

e aí as pessoas me perguntam ~MAS PORQUE FAZER PASSAPORTE PRA IR PRA ARGENTINA?~

e eu respondo:

Carimbo Buenos Aires

pq eu quero um carimbo ❤

e como a polícia federal é LÁÁÁÁ no santa cândida (é quase em COLOMBOOOOOOOOOOOOO rs) lá fomos nós de biarticulado cruzar a cidade, e lógico que chegando lá, tinha criança chorando na sala de espera, porque é claro que a criança também precisa de passaporte né…

mas tudo bem, depois disso almoçamos no centro, fui pro trabalho, voltei do trabalho, fui pro francês, voltei pra casa… total de ônibus do dia: 9. legal né 😦

mas ok, não foi de todo ruim, eu protestei pelo valor da tarifa também, então tem que provar que usa o transporte coletivo da cidade né… mas whatever teve até lado bom da história… o motorista de um desse ônibus era gatinho APAGAR eu terminei de ler o Chá-Tice… e to esperando agora o livro 2, ficou gostinho de quero mais 🙂

e claro, né, o Chá-Tice é um blog de conteúdo (ao contrário do bom dia flowers né), e eu até fiquei filosofando como seria legal se eu tivesse um blog bom que virasse um livro… mais um desejo não realizado na vida, né, vamos acumulando…

mas vamos voltas às histórias sobre mim… é claro que só pegar ônibus não é lady murphy né… murphy me atacou na quinta-feira mesmo, queimando a resistência da minha torneira 😦

Resistência queimada

adeus resistência

na foto não dá pra ver que queimou, lógico, mas reparem que até tinha um pininho ali solto que eu tive que arrancar da base da torneira com o alicate, então não havia dúvidas que tinha queimado… lá fui eu no sábado de manhã, que era quando eu podia, procurar uma resistência nova… e lógico que no luchinha me venderam uma mais cara que nem encaixava, só pra eu ter que andar meia hora e pegar chuva, com o braço estourado, no exato dia que me dá uma nova crise de labirintite labirintose (já conto, péra)

no fim, tive que ir hoje mesmo lá destrocar, e com o dono na loja foi mais fácil resolver, estornaram o valor, etc, comprei uma que encaixa, etc, menos de 10 pila, já troquei, já tá funcionando, já posso lavar a louça 😦

bom, pensei comigo que tava de bom tamanho… mas JESUIS achou que não, e sexta-feira à noitinha eu mexi o braço de alguma maneira indevida, e CABUM, lá voltou toda a dor, e se foi todo o progresso da recuperação, achei que o braço ia cair… chegou a ficar com uma mancha verde >.<

Britney chorando

mimimi

e bom, não bastando isso, sábado de manhã acordei e estava lá de boua na lagoua deitado olhando pro teto quando EIS QUE tudo começa a girar vertiginosamente ao meu redor… era eu tendo uma nova crise de labirintite labirintose.

thanks JESUIS então por me fazer dormir dois dias no sofá por não conseguir deitar a cabeça direito, ter que  lavar a louça na água gelada no inverno e com o braço estrupiado… sabe né, tudo isso é

L'Oréal

porque eu mereço

então boa noite lua boa noite stars seus lindos, e torçam pra eu ter uma semana melhor né, s’il vous plaît.

mais tours, mais gentes e mais coisas fofas

boas noites gentessssssssssssssssss

como eu não posto há séculos tem assunto acumulado outra vez, vamos lá então

COISA UM: estragou a letra A do meu teclado, que tá falhando quase sempre, to tendo que dar umas porradas aqui. solução seria comprar um notebook novo mas né

Disco da Eliana

colamos com chiclete

detalhe pra eliana sensualizando pras crianças naquela época hein, pois é

COISA DOIS: voltou o francês essa semana MON DIEU e a parte boa é que não teve aula no primeiro dia pq a profe nova não foi 😀 e lógico que nós fomos pro bar

tecnicamente falando o café mafalda não é bar né, mas enfim

ah, e o ponto alto foi que a primeira coisa que os meus amiguinhos do francês falaram quando me viram foi “noooossa, você emagreceu!” OWNNNNN SÃO UNS LINDOS NÉ? ❤ e eles tem razão, pq já são quase CINCO quilos perdidos desde que eu mudei meus hábitos e tal 😀 parabéns pra mim

mas aí na segunda aula a profe foi, e ensinou que MON DIEU é coisa de velho, gente jóvam como nós, tem que dizer PUTAIN!

COISA TRÊS: essa é bem retroativa… faz umas duas, três, quatro, mil semanas, sei lá o @duudu, aquele lindo, veio me visitar e me dar meu presente de aniversário VEJÃO

Caneca Angry Birds

nhownnnnn

e aí aproveitamos fazer o tour, como aquela vez que fiz com o @twirenz, mas como os lugares eram mais próximos, a gente visitou mais coisa.

só digo uma coisa: não faço mais tour com ninguém, cansa demais, tá doido… mas enfim, resumindo, fiz um ~mosaico~ de fots dos lugares e a lista tá a seguir, pq né, muita foto, teve lugares sem foto, etc

Mosaico Curitiba

muchos lugres (fiz no pixlr pq sou fodão ok)

lugares do tour: 1 – wonka bar (foto 1), 2 – pizza hut (foto 2), 3 – praça do japão (foto 3), 4 – jardim botânico ( foto 4), 5 – teatro guaíra (foto 7 – acharam que era na ordem? rs), 6 – praça santos andrade, 7 – UFPR (foto 5), 8 – rua xv (foto 8), 9 – paço da liberdade (foto 6), 10 – shopping muller, 11 – bar do simão, 12 –  shopping barigui. TÁ BOM NÉ GENTE?

próximos visitantes eu faço um tour com DOIS lugares e uma balada que EU escolher rs

COISA QUATRO: vamos todos dar as boas vindas à @maise_ani e à @taissakaram que são as mais novas moradoras deeeee….

deeeeeeeee…..

deeeeeeeeeeeeeeeee….

pinhais 😦

sabe, né, nem tudo é perfeito, já é bastante elas estarem perto, e pensem, podia ser pior, podia ser colombo RSSSSSSSSSS BJS PESSOAL DE COLOMBO! ~meus fãs

COISA CINCO: essa é pros nerds

MORRÃO DE INVEJA:

Hyrule Historia

mui-to-fo-da-a-a-a-a-a-a

sim, eu tenho, comprei na amazon.com, e ele pesa dois quilos e pouco, é maior que meu notebook, e é liiiiiiindooooo ❤

e pra finalizar, uma notícia ruim 😦

agora o blogs está ficando mais realista, acabou aquela média mágica de 200 visitas diárias, agora tá em 20 pq lógico que já está em decadência dado o volume de posts né

só pq tava ficando legal né 😦

enfim, lindos, boa noite lua boa noite stars